De Hegel a Danto e de volta: fim da arte e fim da história como diagnóstico da modernidade
Ramon O. da Silva Leite
Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
Rio de Janeiro (RJ)
LEITE, Ramon O. da Silva. “De Hegel a Danto e de volta: fim da arte e fim da história como diagnóstico da modernidade”. Viso: Cadernos de estética aplicada, v. 18, n° 34 (jan-jun/2024), p. 152-187.
Aprovado: 23/05/2024 · Publicado: 30/06/2024
De Hegel a Danto e de volta: fim da arte e fim da história como diagnóstico da modernidade

Este estudo busca esclarecer as teses sobre o Fim da Arte de Danto e Hegel, assim como a tese do Fim da História, articulando-as para proporcionar um diagnóstico do presente. Ao compreender a tese do Fim da Arte de Danto, é possível reexaminar o alcance de sua influência hegeliana. Além disso, entendendo a peculiaridade do Fim da História em Hegel, podemos reconsiderar a tese de Danto sobre o Fim da Arte. Assim, os fins com os quais estaríamos às voltas seriam indícios de que ainda não saímos dos confins da modernidade. Espera-se que a reflexão proposta permita apontar uma nova forma de pensar o futuro, tanto da arte como do mundo.

Palavras-chave:
Danto; Hegel; fim da arte; fim da história; retroatividade; rememoração; modernidade
From Hegel to Danto and Back: End of Art and End of History as a Diagnosis of Modernity

This study seeks to clarify the theses on the End of Art by Danto and Hegel, as well as the thesis on the End of History, articulating them to provide a diagnosis of the present. By understanding Danto's End of Art thesis, it is possible to re-examine the scope of his Hegelian influence. Furthermore, understanding the peculiarity of Hegel's End of History, we can reconsider Danto's thesis about the End of Art. Thus, the ends we would be facing would be signs that we have not yet left the confines of modernity. It is hoped that the proposed reflection will allow us to point out a new way of thinking about the future, both of art and the world.

Keywords:
Danto; Hegel; end of art; end of history; retroactivity; remembering; modernity